Neste texto, o autor procede a um levantamento, relativamente a Portugal, dos trabalhos técnicos e científicos levados a cabo desde cerca de 1988 sobre o tema da participação dos trabalhadores em processos de inovação industrial. São tratados, em particular, tópicos como os sistemas de relações industriais, o contexto político dos programas comunitários de apoio à inovação, a posição dos parceiros sociais face à participação, a investigação produzida em Portugal e as actividades concretas dos referidos programas de apoio - no que toca às políticas e orientações promotoras de maior participação dos trabalhadores no trabalho e nas organizações produtivas.