Normas para apresentação de originais

 

Apresentam-se as normas para publicação de artigos na revista Organizações e Trabalho. Para melhor esclarecimento, bastará verificar a forma como os artigos, bibliografia e resumos aparecem apresentados em números anteriores da nossa revista.

 

1. Todos os artigos solicitados ou propostos para publicação na revista Organizações e Trabalho não devem exceder os 40.000 caracteres de texto (incluindo texto de quadros e figuras). Deve usar-se o "times new roman", tamanho 12, espaço linhas 1,5.


2. Os originais deverão ser enviados em cd ou e-mail, com o processamento de texto em "Formato do Word 97-2003", sem indicação do(s) autor(es) e instituição(ões) a que pertence(m).


3. Esta identificação pessoal do autor e da instituição deverá ser retirada do texto original, por forma a salvaguardar a objectividade das avaliações, e deverá também estar de acordo com a qualidade em que o autor deseja ser apresentado. Devem também ser fornecidos os contactos (morada, telefone e e-mail) para contactos posteriores. Toda esta informação deve ser escrita em ficheiro autónomo.


4. Cada quadro ou figura deve constar em ficheiro autónomo (ex: fig1.doc; quadro1.doc...). Os títulos, notas e legendas referentes às figuras e quadros devem ser escritos no próprio texto, no respectivo local de inserção.


5. Os autores deverão procurar limitar o uso de quadros, gráficos ou esquemas inseridos no texto.


6. Os textos deverão ser acompanhados de resumos, com um máximo de 10 linhas. O resumo em português e as respectivas palavras-chave em português devem estar no próprio texto, imediatamente a seguir ao título do artigo. Os resumos em francês e inglês, bem como os respectivos títulos e palavras-chave devem ser colocados em ficheiro autónomos e separados (um ficheiro para os conteúdos em francês e um ficheiro para os conteúdos em inglês).


7. As notas e a bibliografia devem ser apresentadas, por esta ordem, no final do artigo. A bibliografia deve ser ordenada segundo o apelido do autor.

7.1. As notas bibliográficas não devem ser colocadas em pé-de-página mas sim no próprio corpo de texto de cada artigo (Ex: Santos, 1990).


8. A referenciação bibliográfica deve seguir as normas consagradas:

Livros
Apelido, e Nome Próprio do autor ou (org.) (Ano de edição) [e eventualmente da 1 edição], em caso de colectânea; usar o primeiro e a expressão et al., se mais do que um), Título da Obra, Local de edição, Editor;

Artigos em publicação em série
Apelido, e Nome Próprio do autor (Data), "Título do artigo", Título da Revista, (Número, eventualmente antecedido do Volume), Páginas;

Textos em colectâneas
Apelido, e Nome Próprio do autor, "Título do texto", in Nome Próprio e Apelido do (org.) (Ano de edição), Título da Colectânea, Local de edição, Editor, Páginas.

NB
Não usar letras maiúsculas nos apelidos dos autores citados, nem na bibliografia nem no próprio texto (EX: Santos e não SANTOS).


9. As citações devem ser traduzidas.


10. Aquando da utilização de aspas, deve usar-se"..." e nunca «...» ou '...'. (o apóstrofe apenas é usado para indicar aspas dentro de aspas "...'...'...".


11. Quando se usam referências numéricas. Como percentagens, deve ser utilizado o respectivo sinal e não a designação por extenso (ex.:40% e não 40 por cento).


12. Quando aparecem números de ordem iguais ou superiores ao milhar, deve-se usar o ponto como separador da casa dos milhares (ex.: 12.500 e não 12 500).


13. As casas decimais devem ser separadas por virgulas (ex.: 2,70); quando o número for inferior a 1, deve ser utilizado o zero antes da vírgula (ex.: 0,25).


14. Na escrita de siglas, não devem ser colocados pontos a separar as iniciais (ex.: EUA e não E.U.A.). As siglas também não têm plural (ex.: as PME e não as PME's).


15. Todos os termos estrangeiros não traduzidos devem ser grafados em itálico, sem aspas (ex.: marketing, software).


16. Sempre que se queira destacar um termo ou frase, utilize o itálico e não o bold (negrito) ou underline (sublinhado).


17. O Conselho de Redacção informará os autores da decisão de publicar ou não os originais propostos, podendo igualmente sugerir alterações no sentido da redução do texto ou semelhantes. Esta informação tem em consideração os pareceres elaborados pelos membros da Comissão Editorial na avaliação dos artigos.


18. Os artigos não publicados só serão devolvidos aos seus autores quando tal for expressamente solicitado.


19. As recensões de livros – que alimentarão a respectiva secção da revista – deverão ter uma dimensão de 3 a 5 páginas, dactilografadas a dois espaços.


Partilhar | Redes Sociais

Partilhar | Email